RETROSPECTIVA GAMESFODA DE 2012: Foi uma longa caminhada até aqui

  2/01/2013 - 17:44   GAMESFODA, retrospectiva 2012,  
 

Eu nem vou tentar explicar essa foto pra vocês

Tudo começou no longínquo Orkut, onde um bando de desocupados se conheceram no Quizz de uma comunidade. Daí, eram tópicos de assuntos aleatórios que iam desde One Piece até a filosofia Marxista, mas quase sempre terminavam desvirtuados com um monte de malucos falando sobre videogame. Depois veio uma comunidade específica, uma piada interna idiota de suma importância (salve, lendário Paulo Candeia), o Tumblr, o Twitter, uma ideia maluca que englobava tudo previamente citado, e finalmente o site. Não parece, mas foi um tempo do caralho.

Yoshinori Ono is a GAMESFODA enough dude

A ideia, principalmente, era falar dessas novidades de jogos sem ser aquela parada tão maçante que vemos nos sites aí afora. Ser descompromissado quando possível, e falar sério quando fosse pra falar sério. Falar do que quiséssemos quando quiséssemos, #ajudarosbrotherindie nessa longa jornada de coxinha e miojo até o estrelato, e quem sabe abrir um pouco a mente da galera para algumas discussões.

Reuben Langdon, o cara que você ouve ao spammar SHORYUKEN em Street Fighter

O primeiro ano de site foi uma experiência interessante. Fizemos novas amizades, conhecemos uma galera muito bacana e talentosa que tá botando a mão na massa e fazendo jogos no nosso país, cobrimos eventos, e enchemos a cara em botecos alheios. Ralamos pra terminar nossos textos a tempo, e vivemos aquele clássico drama de escrever algo e pensar “porra, tá uma merda” até o seu brother ler e falar que tá bacana. Somos pequenos, mas tamos aí fazendo a nossa porra quando dá, um passo por vez, pra tentar entreter e informar essa galera que curte os joguinhos mas sabe que tem coisa melhor na vida que ficar comparando números de vendas de consoles ou discutindo a diferença de décimos em notas de reviews.

E uma foto com o dublador do Kiko, NADA A VER com games mas esse dia foi aleatório e massa (???)

2012 foi um ano foda pro GAMESFODA, e nós esperamos que tu tenha curtido. Bora esperar que o próximo ano seja foda também.

Pra lembrar o tanto de zuera que teve nesse ano que passou, vai aí uma seleção com uma caralhada de artigos:

GAMESFODA

O homem, o mito, a lenda. Nascido de uma piada interna que virou um Tumblr que virou um Twitter que através de um brainstorming num McDonald’s acabou virando um site, a entidade GAMESFODA reúne o poder criativo dos dois manda-chuvas da parada para te trazer o melhor que há em games e zuera.

 

5 coisas que você precisa saber sobre o site do GAMESFODA – O primeiríssimo post do site é o que explica como funciona essa porra pra ninguém ficar boiando. E ele continua relevante!

E3 2012: O Guia GAMESFODA Definitivo

Arthur Zeferino

Melhor conhecido pela alcunha “Tuba”, Arthur é o barbudão pseudo-dono do site, responsável por muitas das matérias principais dessa bagaça e sempre se ligando nas novidades dos #brotherindie. É expert em zuera e trabalha como super-herói nas horas vagas.

Ludum Dare e a Experiência de tentar fazer um jogo em 48 horas

A Independência do BRASIL DOS GAMES

Quer jogar Diablo 3 single-player? Azar o seu!

IDEIA DE JOGO: Tiozão Layton & O Jacaré que Anda no Seco

Metal Gear no Brasil… por que não?

 

Marcellus Vinícius

O outro pseudo-dono do site, um rapaz de dreads que tem uma facilidade em se envolver em acidentes inusitados. Fala sobre qualquer porra que precisar falar, mas não nega que faz parte da sua história uma admiração por uma certa empresa que começa com a letra N. Bebe Coca-Cola quente, e ainda a esquenta no microoondas utilizando números aleatórios (tipo, “17 segundos”).

Lei Anti-Games, The Binding of Isaac e a falácia do “é só um jogo”

Qualé a desse tal de… Journey

Uma análise GAMESFODA da ~polêmica~ com o final de Mass Effect 3

Acigames, Distribuição Digital e a nossa opinião sobre essa zona toda

Jornalismo de games e Doritos: uma relação complicada

Bônus: Tuba e Marcellus também participaram do podcast Games on the Rocks do Arena iG, onde eles falaram sobre a origem do GAMESFODA e mais algumas outras coisas cercando a criação do site. Ouve lá!

 

Rod

Velho conhecido daquele grupo de internautas, Rod começou a escrever em janeiro (correndo pra caralho pra tentar pegar a primeira semana) e veio falar da única coisa que sabe: tranqueira velha. É responsável pelo NARG, e quando dá arruma as Retrospectivas e manda umas notícias. Sabe mais sobre a Sega do que a maioria dos seres humanos normais.

New Age Retro Gamer #1: EarthBound

New Age Retro Gamer #7: Vagrant Story

New Age Retro Gamer #16: Panzer Dragoon Saga

New Age Retro Gamer #20: God Hand

YES, nós temos joguinhos em português!!! (e damos adeus ao nosso maior professor)

 

Retomando aquela velha discussão: será que videogames influenciam o comportamento violento?

 

Shana

ImageA moça dos óculos vermelhos™, Shana é a nossa artista e representante feminina do grupo. É ela quem faz a maior parte das artes dispostas no site, assim como esses avatares pixelizados muito foda que vocês tão vendo aqui. Desde fevereiro ela escreve o ARTESFODA BR, onde mostra a cara dessa galera massa que trabalha com a arte dos joguinhos aqui no nosso Brasil. Não me pergunte como, mas ela consegue fazer Perfects em Rhythm Tengoku no ônibus.

ARTESFODA BR #1 – Amora, a 1ª dama do MiniBoss

ARTESFODA Especial: Simplesmente Yoshitaka Amano

ARTESFODA BR #8 – Zecarlos e o mundo dos enlatados eletrônicos

ARTESFODA #5 – Sula e o talento do trabalho duro

ARTESFODA BR #14 – Midio, o Arquiteto dos Pixels

Luiggi

Eu não sei o quanto vocês sabem sobre cultura asiática, mas Luiggi é um expert. Popularmente conhecido como “AFRO”, Ligocky é o responsa do site no que se trata daqueles joguinhos bacanas da terra do sol nascente, como evidenciado pela sua coluna Tretas de Hong Kong, que estreou aqui no site em março. Escreve um monte de notícias, é entendido de Nintendo e jogos de ritmo, e uma vez estrelou um episódio antológico envolvendo uma vontade súbita de jogar Chrono Trigger.

Tretas de Hong Kong – Love-de-Lic, skip e a arte dos jogos filantrópicos

 Tretas de Hong Kong – Nanashi no Game e o terror pela ambientação

Tretas de Hong Kong – Panel de Pon e Puyo Puyo

Tretas de Hong Kong – Jump Super Stars e a mistureba de personagens

Tretas de Hong Kong – Nazo no Murasamejo, a pérola escondida

 

Hynx

Um barbudão safado com aparência de viking, desde julho Hynx é o tiozão do churrasco oficial do site. Seus poderes incluem a zuera aguçada, velocidade recorde em escrever reviews  e sua super-capacidade de fazer streaming enquanto enche a cara. Além das análises e do Vitrine Indie aqui no GAMESFODA, ele faz os streamings do Masoquismo Retrô no seu site. É um dos primeiros brasileiros em todo o universo (!!!) a ter um Wii U.

Dados bizarros e suspeita de plágio em relatório misterioso da ACIGAMES

Kingdom Hearts: Entenda todas as tretas da história até agora

League of Legends: por que você deveria se importar?

Vitrine Indie – Knights of Pen & Paper

Qualé a desse tal de… The Walking Dead

Guerra

O Guerra é um rapaz carioca que além de faixa algumacor em karatê é também mestre quando o assunto é Metal Gear. Escreve uns especiais de vez em quando, tem boas memórias da Konami e Capcom na era 16-bit, e quase sempre aparece atrasado no Skype.

Um papo cabeça com Reuben Langdon, o cara da voz do Ken

ESPECIAL: Os maiores jogos “”INSPIRADOS”” em Pokémon

… Metal Gear?! – O que esperar do futuro da série?

Mega Man e a sua crise dos 25 anos

Metal Gear Rising é Metal Gear mesmo! (e uma porrada de outros jogos)

 

E, por fim, bora lembrar de alguns dos principais jogos brasileiros que comentamos aqui no site! Se a gente esqueceu de algum nessa lista, dá um toque ae!

Oniken (Joymasher)

Out There Somewhere (Miniboss)

Qasir Al-Wasat (Aduge)

Turma do Chico Bento (Insolita)

Jelly Escape (Taw Studio)

Mr. Bree Returning Home (Taw Studio)

Knights of Pen & Paper (Behold Studios)

Robot DIR (Frozen Logic Studios)

Guy VS. the Wicked and Nerfarious Land (Cog Monkeys)

Ballistic (Aquiris)

Pier Solar HD (Gameblox)

 

E esse foi 2012 aqui no GAMESFODA. Valeu pelo apoio, e bora nesse 2013! (e esperar que a E3 desse ano seja melhor, porque, porra né)

E pra finalizar, o Hynx botando pra quebrar (melhor foto)

Rod

Sobre

Rodrigo "Rod" é de Salvador, Bahia. Estuda psicologia, finge ser escritor, e acha que entende alguma coisa sobre game design.
  • Boa, parabéns galera! Legal conhecer de maneira mais aberta a galera e o estilo do site.

  • leandrobelmont

    torço por vocês Gamesfoda. feliz 2013 para todos nós

  • Chorante!

    Aparentemente o link para o post 'YES, nós temos joguinhos em português!!! (e damos adeus ao nosso maior professor)' leva pra página de login do WordPress.

    • Valeu pelo toque, consertei lá!

      E obrigado a galera toda que tá comentando aí também :D

  • Parabéns pela qualidade de conteúdo do ano que passou e que 2013 seja um ano Super GAMESFODA!

  • Falando em E3, vocês vão estar em Los Angeles este ano para cobrir o evento? Diz que sim!

    E parabéns para o site, está cada dia melhor.

  • Quando você percebe que todos os homens da staff tem algum tipo de barba.

    Mas parabéns, Gamesfoda! Descobri vocês só pela coluna da EGW, mas de imediato se tornaram meu blog/face/twitter count de games favorita de todos os tempos! Sempre trazendo a medida certa de zuera e seriedade quando precisa. Ainda há games que espero que apareçam no Neo Age Retro Gamer e imaginando que indies dos brothers ganharam holofotes.

    No mais, parabéns ao primeiro ano e que todos comemorem com aquele CHURRAS™!

  • Pingback: Esta semana em GAMESFODA – A primeira semana de 2013! | GAMESFODA()

  • ~o~

    parabéns!

  • O Guerra é o Paulistano morador do Rio de Janeiro mais GamesFoda que eu conheço. Morador do Rio há anos, mas continua sendo paulistano.

    Assim como eu continuo sendo maranhense, embora more há mais de dez anos na capital do RJ. :D

Visit the best review site wbetting.co.uk for William Hill site.